Esportes Fine Art

Dez gols de placa de Alberto Ferreira

Como montar a pose perfeita
pele-bicicleta
A famosa bicicleta de Péle: gol de placa de Alberto Ferreira

Em 2007, o Centro Cultural Branco do Brasil, no Rio de Janeiro, recebeu uma exposição de imagens do acervo da Maison Européenne de la Photographie, de Paris. Titulada Instantâneos da felicidade, a mostra reuniu 50 trabalhos de 28 grandes fotógrafos da segunda metade do século 20 que conseguiram capturar, na concepção dos curadores, esse estado indefinível, porém de absoluta leveza, que é a felicidade.

Entre os instantâneos estava a bicicleta de Pelé. Ou melhor, a foto do lance mágico do camisa 10 da Seleção Brasileira no jogo contra a Bélgica, no Maracanã, em 1965. Considerada a fotografia brasileira de maior circulação na imprensa mundial, a imagem foi o momento mais marcante da carreira de Alberto Ferreira (1932-2007), um paraibano que foi ao Rio tentar a sorte como goleiro do Flamengo, não teve sorte, mas se tornou o maior nome do fotojornalismo esportivo do país.

foto05
“O rei se curva à dor e o país inteiro sentiu”: foto que deu a Alberto o Esso de Fotografia de 1963

Por isso mesmo, o trabalho de Alberto Ferreira, que foi editor de fotografia do Jornal do Brasil por 25 anos e conquistou o Prêmio Esso de Fotografia de 1963 (novamente com uma foto de Pelé, quando saiu de campo machucado no jogo contra a Tchecoslováquia, durante a Copa do Mundo de 1962), não se resume à jogada genial do Maracanã. E também por isso que uma exposição em cartaz na Casa das Artes Visuais de João Pessoa, na Paraíba, sobre a sua obra, se chama Além da Bicicleta.

A mostra foi organizada por Carlos Ferreira, filho de Alberto, e reúne dez trabalhos do fotojornalista que um dia quis ser goleiro profissional. “Graças a Deus ele levou três frangos e virou fotógrafo”, disse Carlos ao Globoesporte.com, se referindo ao malfadado teste do pai no clube da Gávea.

Em 1950, aos dezoito anos e então goleiro do Botafogo da Paraíba, Alberto saiu de Alagoa Grande para tentar a sorte no time do coração. Mas o destino foi mais sábio do que ele poderia supor ao fracassar na peneira, se tornando fotógrafo de sucesso no Rio de Janeiro, cobrindo seis Copas do Mundo e três Jogos Olímpicos e marcando uma série de “golaços” na carreira, a exemplo do gol de placa no Maracanã.

05HanginoutP_JPG
Exposição não tem apenas imagens esportivas. Esta é da construção de Brasília

A exposição Além da Bicicleta é parte de um projeto contemplado pelo prêmio Funarte Marc Ferrez. De autoria do fotógrafo Gustavo Moura, inclui também o lançamento de Fotografia Paraibana Revista, publicação de circulação gratuita que tem por objetivo reunir trabalhos dos principais fotógrafos daquele estado. A exposição de Alberto Ferreira (que não reúne apenas imagens esportivas, mas de outras coberturas, como a construção e inauguração de Brasília e o funeral do senador Bob Kennedy) fica em cartaz até 4 de outubro. A entrada é gratuita.


Assine nossa newsletter e fique informado :)

Livro - Fotografia de Bebês
Alcides Mafra

Alcides Mafra

Jornalista e colaborador do iPhoto Channel ([email protected])

Adicione um comentário

Clique aqui para comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba as novidades por e-mail